10 vantagens da profissão de Perito Judicial





Perito judicial é a pessoa que declara ante um tribunal e que detém a característica particular de possuir conhecimentos técnicos em determinada ciência, arte ou ofício, os quais lhe permite emitir opiniões sobre materiais relevantes para a resolução de um juízo.
Para trabalhar como perito judicial, além do conhecimento técnico da área onde pretende atuar, é necessário ter curso superior e estar filiado ao Conselho Regional da categoria. Podem exercer esta atividade funcionários públicos, aposentados, recém-formados, profissionais liberais e colaboradores de empresas normais (arquitetos, médicos, engenheiro ambiental, administrador, etc.). O perito judicial atua nas varas da Justiça Federal, Estadual e na Justiça do Trabalho.
Vamos ver agora 10 vantagens de ser um perito judicial:
  • Flexibilidade de horário
  • Prazos relativamente longos para entrega dos laudos
  • Independência na execução das tarefas
  • Fatores externos não interferem de modo impactante
  • Possibilidade de exercer atividades paralelas
  • Status
  • Boa remuneração
  • Baixíssimo risco de inadimplência, visto que recebe-se o adiantamento de honorários
  • Área com grande demanda de trabalho
  • Pouca concorrência, visto que existe baixa divulgação
A perícia judicial pode ser exigida por uma das partes em processo ou pelo próprio juíz para pesquisa, confirmação e validação de informações.
Seja um Perito Judicial
A oportunidade que este curso de Perito Judicial proporciona abrange o conhecimento e competências dos profissionais sobre essa especialidade e seu processo, principalmente sobre os conceitos e a prática, sobre os peritos, laudos e demais procedimentos. Clique aqui e saiba mais!

Sou a Dani, a atendente do Quero Conteúdo e posso te indicar cursos e ebooks sobre esse assunto.. Entre em contato conosco através do Email, do Whatsapp ou do Messenger

Comente:

Nenhum comentário