Características dos Treinos Funcionais






O TF é um novo conceito, na qual é explorada a utilização do próprio corpo e de recursos que estimulem a propriocepção, a força e a resistência muscular bem como a flexibilidade, coordenação motora, equilíbrio e o condicionamento cardiovascular. Neste conceito, são utilizados exercícios que se aproximam da atividade física ou diária do indivíduo. Uma das principais vantagens dos treinos funcionais é que ele pode ser praticado em qualquer lugar, seja ela a sua casa, o parque ou praia. Contudo, boa parte das pessoas fazem este tipo de atividade nas academias.

O principal objetivo do treino funcional é resgatar por meio do exercício a capacidade funcional do homem da atualidade. Mas, o que isso significa? Que as atividades físicas que fazem parte do treinamento devem trazer algumas vantagens para a rotina diária do praticante. Entre as principais características do treino funcional, temos:

1. Transferência de treinamento

O treino tem que ter uma semelhança com as atividades da rotina diária, seja o praticante um atleta, sedentário, idoso ou até mesmo uma criança.

2. Atividades "Ground Base"

Nesta modalidade de treino, são incluídos exercícios que começam com os pés ou mãos aplicando força contra o chão.

3. Exercícios multiarticulares

O treino funcional trabalha com vários músculos ao mesmo tempo para conseguir uma ação coordenada das articulações.

4. Treinamento com materiais

O treino funcional utiliza diversos materiais que ampliam as possibilidades e benefícios da atividade. Entre eles estão: bolas, elásticos, halteres, caneleiras e plataformas de equilíbrio.

5. Uso do corpo

Este tipo de exercício físico trabalha diretamente o uso do corpo. Por exemplo, os materiais de apoio só vão ser eficiente se você usar a gravidade e o seu peso para utilizá-los.

Os exercícios usados no Treinamento Funcional podem ser progredidos da seguinte forma: de baixa velocidade para alta; posturas estáticas para dinâmicas; de menor intensidade para maior intensidade; movimentos controlados e conscientes para movimentos inconscientes e sem controle; de olhos abertos para fechados; movimentos bilaterais para unilaterais; movimentos simples para complexos; exercícios que exigem pouca coordenação para exercícios complexos; movimentos estáveis para movimentos instáveis; movimentos em um plano para movimentos em vários planos

Tenho duas dicas para o profissional que quer trabalhar com Treinamento Funcional. A primeira dica é o ebook Treinamento Funcional 200 Exercícios - Aprenda Montar Seu Treino Formação em Treinamento e Preparação Física Funcional ONLINE

Sou a Dani, a atendente do Quero Conteúdo e posso te indicar cursos e ebooks sobre esse assunto.. Entre em contato conosco através do Email, do Whatsapp ou do Messenger

Comente:

Nenhum comentário