Crianças que praticam exercícios têm melhor desempenho escolar




Resultado de imagem para crianças exercicios

Um estudo britânico mostrou que crianças que praticam atividades físicas regulares têm um melhor desempenho  escolar. Segundo Fabiano Sandrini, endocrinologista do Laboratório Frischmann Aisengart, o exercício físico exige do aluno uma grande nível de concentração, além de melhorar a autoestima. "A atividade estimula o aluno a prestar mais atenção na tarefa que está realizando e isso pode refletir diretamente no comportamento dele dentro da sala de aula", avalia.

Na pesquisa, os cientistas avaliaram o nível de atividade física de aproximadamente 5 mil meninos e meninas de 11 anos que, durante uma semana, usaram um leitor de movimento. Os resultados mostraram que as crianças mais ativas fisicamente produziram melhores notas em Matemática, Inglês e Ciências. "Essa análise demonstrou que a prática de exercícios pode aumentar a capacidade de memorização e ajudar a criança a ter mais disciplina no momento de estudar", conta Sandrini.

Outro estudo elaborado por especialistas da Universidade Vrije, em Amsterdam (Holanda), com base em pesquisas realizadas nos Estados Unidos, Canadá e África do Sul, também concluiu que a prática de exercícios auxiliou o desempenho de crianças e de adolescentes em testes de Matemática, Linguagem, Raciocínio Lógico e Memorização.   "A conclusão dessas duas pesquisas é mais uma prova de que a atividade física é benéfica em vários aspectos pois, além de manter o corpo saudável, ainda estimula o desenvolvimento cerebral", relata o médico.

Para o endocrinologista a conclusão dos estudos pode ser justificada pela resposta que o corpo transmite ao ser estimulado fisicamente. "A explicação para esta melhora de desempenho parece ser complexa e ainda não compreendida completamente. Mas algumas hipóteses sugerem que, quando nos exercitamos, aumenta o nível de fluxo sanguíneo no cérebro e isso pode desencadear uma série de estímulos. Nosso organismo também eleva a produção de substâncias que são responsáveis pela formação de neurotransmissores, moléculas que enviam informações para outras células do corpo", explica.

Além disso, crianças que se exercitam tendem a ter uma vida mais saudável e uma alimentação regular. "É uma reação em cadeia. O metabolismo funciona mais rápido conforme o nível de atividade física que a criança pratica, contribuindo para ela se alimentar mais vezes ao dia. Isso vai colaborar para uma série de fatores como evitar problemas hormonais e de obesidade infantil, por exemplo", esclarece Sandrini.


Sou a Dani, a atendente do Quero Conteúdo e posso te indicar cursos e ebooks sobre esse assunto.. Entre em contato conosco através do Email, do Whatsapp ou do Messenger

Comente:

Nenhum comentário