Benefícios do Pilates no treinamento físico do Voleibol





O treinamento físico no esporte é uma das áreas de maior importância dentro de uma equipe esportiva, ela é o que da sustentação para execução da modalidade esportiva.

Várias modalidades podem ser usadas para fazer a preparação física de atletas  de voleibol. Dentre essas modalidades, está o Pilates.

Há muitos anos o pilates vem ajudando atletas tanto na melhora de performance quanto na recuperação de traumas, devido à manutenção de força, flexibilidade e estabilidade no período de recuperação da parte lesionada. A melhora de performance acontece devido ao trabalho de consciência corporal realizado, voltado para a eficiência de movimento. Um movimento mais eficiente tem um desgaste calórico menor, fazendo com que o atleta possa manter o mesmo nível de performance por um período mais prolongado. Há também um desgaste muscular menor, devido ao aumento da potência e da resistência, diminuindo os movimentos compensatórios responsáveis pela maioria das lesões. Além disso, o pilates fortalece o centro do corpo, o abdômen e os músculos de sustentação da coluna. Tudo isso, aliado à melhora da propriocepção e equilíbrio, poderá fazer a diferença para que o atleta tenha mais conquistas junto ao seu time.

Para ter um melhor desempenho durante as partidas de vôlei, seja de quadra ou de praia, e ficar mais protegido contra possíveis lesões, o pilates, que trabalha o equilíbrio entre a mobilidade e a estabilidade de todas as articulações do corpo, pode ser um bom complemento de treino, proporcionando:

  1. Mais atenção e prontidão para cada jogada, por meio da concentração;
  2. Um melhor desempenho nas jogadas aéreas, por meio do controle, da precisão e da fluidez;
  3. Domínio do centro do corpo e controle de onde colocar a força para cada gesto, por meio da centralização (que é o uso do Power House ou core), o que também aumenta a potência dos ataques;
  4. Redução do cansaço, por meio da respiração;
  5. Um corpo mais equilibrado, forte e alongado, diminuindo os riscos de lesões nos joelhos, tornozelos e coluna (que são mais comuns de acontecer neste esporte), ao utilizar todos os princípios harmoniosamente.
Para finalizar, você sabe como Montar Treinos de Voleibol? Se quiser mais dicas sobre isso, conheça o material "Como Montar Treinos de Voleibol: Da Iniciação ao Alto Rendimento - Com VÍDEOS e APOSTILA". É bem completo!  Clique aqui e saiba mais!


Eu sou a Dani, a atendente do Quero Conteúdo. Se você quiser ter conteúdo sobre esse tema para estudo, entre em contato pelo Whatsapp ou email do site . Conheça também nossa página de materiais educativos gratuitos .

Comente:

Nenhum comentário