Como funciona o Dry Needling?





O Dry Needling, conhecido também como "Agulhamento à Seco", é uma técnica que se utiliza de agulhas de Acupuntura Sistêmica para desativar fibras musculares tensas que geram dor.

Na técnica de Dry Needling, o conhecimento mais importante encontra-se na anatomia e fisiologia muscular e na compreensão da formação dos "pontos-gatilho".

Os "ponto-gatilho" ou miofasciais são regiões do músculo que por algum motivo estão sendo mal irrigadas de sangue, formando assim nódulos enrijecidos, perfeitamente palpáveis com as pontas dos dedos. Essa situação pode ser ocasionada por má postura, excesso ou falta de atividade física ou ainda por estresse emocional. Quando realizamos um estímulo na fibra muscular onde se encontra o ponto gatilho, o sangue que anteriormente não chegava até ela, volta a circular, desfazendo assim o nódulo de tensão. Este estímulo pode ser realizado através de massagem, colocação de eletroterapia e no caso do Dry Needling, colocando-se agulhas de acupuntura no ventre do músculo acometido.

Quando a agulha de acupuntura causa "microrrupturas" nas fibras musculares, é enviado ao sistema nervoso central um estímulo de cicatrização, que automaticamente envia sangue ao local do agulhamento, melhorando a circulação e oxigenação local, causando o relaxamento da musculatura. Além disso, a fibras tensas são desativadas pelo próprio estímulo mecânico da agulha.

A agulha de filamento sólido usada em agulhamento a seco permite que o fisioterapeuta apalpe os tecidos que não são palpáveis manualmente

Aqui estão os passos básicos da terapia de agulhamento a seca profunda:

  1. Ao usar técnicas de agulhamento a seca para o tratamento de pontos de gatilho, o fisioterapeuta irá palpar o músculo alvo para uma banda tensa (ou área de músculos tensos) e identificar o ponto hiper-irritável, confirmando assim o ponto de gatilho que precisa ser tratado.
  2. A agulha é tipicamente em um tubo e é fixada com a mão sem agulha contra o ponto de gatilho usando um aperto de pinça ou palpação plana dependendo da localização e orientação do músculo. A palpação é quando o fisioterapeuta sente com os dedos ou mãos para identificar áreas. Com a mão de agulha, a agulha é afrouxada suavemente do tubo e a parte superior da agulha é batida ou sacudida pelo fisioterapeuta, permitindo que a agulha penetre na pele.
  3. Com a agulhamento a seca profunda, a agulha é guiada em direção ao ponto gatilho até que o fisioterapeuta sinta resistência ou perceba que o paciente tem uma resposta de contração local. Uma resposta de contração local é um reflexo da medula espinhal que cria uma contração involuntária que pode ser desencadeada por uma palpitação de encaixe ou penetração com uma agulha. A pesquisa mostra que a resposta de contração local é o resultado de um alívio ou mitigação de algum tipo. Isso pode ser devido a uma liberação de produtos químicos relacionados ao sistema imunológico, inflamação ou mesmo atividade elétrica espontânea. Quando o paciente tem uma resposta de contração involuntária, isso sugere que a agulha atingiu o ponto certo.
  4. Quando a agulha localiza o ponto de gatilho, como sugerido pela resposta de contração local, o fisioterapeuta focalizará nesta área específica ou em outras áreas vizinhas, puxando a agulha de volta para a camada de tecido diretamente sob a pele sem tirá-la do pele.
  5. A agulha será então redirecionada em direção aos pontos gatilhos restantes até que as respostas de contração local tenham parado ou o paciente não possa mais tolerar o agulhamento nesse local.
  6. Quando a agulha é retirada da pele, a pressão é então aplicada diretamente à pele sobre a inserção de modo a ajudar na prevenção de possível inchaço ou dor.

Durante a terapia de agulhamento a seco superficial, a agulha é colocada apenas ligeiramente em um músculo na vizinhança de um ponto de gatilho, mas a resposta de contração local não é induzida. A agulha será mantida no lugar durante cerca de 30 segundos e depois retirada. Se o ponto de gatilho ainda parecer sensível após a primeira rodada, a agulha será colocada novamente na mesma área por 2 minutos.

Com agulhamento a seco superficial, o fisioterapeuta tentará aliviar a sensibilidade do ponto de gatilho com esses intervalos mais curtos de terapia, repetindo esse processo até que ele note uma diferença. A agulhamento a  seca superficial é a técnica escolhida para os pacientes que não podem tolerar o agulhamento a seca profunda ou se tornam rígidos facilmente.

O Agulhamento a seco também é diferente da acupuntura, que se destina a desbloquear meridianos de energia e ajudar a criar o equilíbrio dentro do sistema corporal. Enquanto a acupuntura se concentra em abordar o fluxo de energia em torno do corpo e órgãos corporais, agulhamento seco centra-se em estimular um ponto de gatilho específico que está levando a dor e deficiência.

Dry Needling é apropriado para quase todos os pacientes que não têm uma fobia significativa da agulha ou a outra ansiedade sobre ser tratado com agulhas. Como qualquer tipo de terapia, o agulhamento a seca pode causar efeitos colaterais indesejáveis, como dor na parada da inserção da agulha, dor muscular, fadiga e contusões. Nas mãos de um fisioterapeuta qualificado, agulhamento seco é uma opção de tratamento seguro e eficaz e o paciente vai ver os benefícios na amplitude de movimento.

Tenho duas indicações de cursos sobre Dry Needling para te passar:

Aprenda Dry Needling: O aluno aprenderá localizar todos os pontos gatilhos dos principais músculos do corpo humano e como colocar uma agulha para atingir a profundidade correta, dessa forma causando alterações fisiológicas no local gerando alívio das dores musculares. O aluno será capaz de agulhar articulações e tecidos alterados patologicamente para melhor a função deste tecido. Clique aqui e saiba mais

Dry Needling - Agulhamento a Seco:  No curso de Dry needling você aprenderá a realizar uma avaliação de dor referida miofascial a fim de obter de forma precisa a localização dos pontos gatilhos para o fechamento de um diagnóstico preciso, proporcionando um critério eficiente no programa de controle da dor referida do seu cliente. Aprenderá também fazer toda metodologia do agulhamento miofascial com raciocínio clínico que levará seu paciente a resultados instantâneos e eficientes.  Clique aqui e saiba mais

Se você se interessa por outras terapias alternativas/manuais, separei uma lista de cursos online de Terapias com bom conteúdo. Clique aqui!



Sou a Dani, a atendente do Quero Conteúdo e posso te indicar cursos e ebooks sobre esse assunto.. Entre em contato conosco através do Email, do Whatsapp ou do Messenger

Comente:

Nenhum comentário